Camaradas do Partido Comunista Brasileiro

imagem

Sobre Nossa América hoje faz o seu vôo de ameaça a águia da Doutrina Monroe. A instalação de várias bases militares dos Estados Unidos no território da Colômbia é um ato repulsivo de traição do regime direitista de Uribe à pátria latino americana. Seu objetivo é tentar o avanço do projeto político e social do libertador Simon Bolivar e dos patriarcas e heróis de nossa independência, através de instalações militares e uso da tecnologia.

Trata-se de uma tentativa desesperada de salvar de uma progressiva decomposição seu domínio continental e assegurar pela força o roubo de nossas riquezas e a exploração humana.

Unidos seremos fortes e mereceremos respeito; divididos e isolados, pereceremos, é a lição do Libertador, hoje mais vigente do que nunca. É hora da unidade dos povos da América para defender num só punho nosso direito à liberdade, à opção política pelo socialismo, à luta por relações sociais que dignifiquem o ser humano.

Por via do Partido Comunista Brasileiro, que realiza seu XIV Congresso, saudamos desde a memória de Luiz Carlos Prestes, o invencível Cavaleiro da Esperança, aos operários, aos camponeses, às organizações políticas e sociais do imenso Brasil, aos partidos e movimentos convidados, com a certeza de que encontrem o caminho da unidade que possibilitam a construção de uma Pátria melhor para todos.

Viva o Partido Comunista Brasileiro!

Nenhum Soldado Ianque na Nossa América!

Juramos vencer; e venceremos.

Iván Márquez

Comissão Internacional das FARC-EP

Montanhas da Colômbia, Outubro de 2009